Arno não é um pedagogo, ou terapeuta, ou artista, como propõe alguns textos a seu respeito, ele é umServant, termo cunhado por ele próprio para designar seu ofício de mais de 70 anos. Seu trabalho tem elementos educativos, terapêuticos, criativos, e de pesquisa, porém não podemos dizer que ele é ou faz, puramente uma coisa, ou outra. Essa singularidade do trabalho de Arno, e de difícil compreensão por conta das categorias socioculturais, traduz igualmente uma particularidade de circunstâncias, que possibilitaram a confecção de um trabalho, tecido ao longo de anos por diversas circunstâncias que a vida lhe possibilitou.

 

Há mais de 70 anos, Stern dedica-se a difusão de seu ateliê de pintura chamado Closlieu, onde trabalha exaustivamente no desenvolvimento de conceitos e observações sobre o ato de traçar. O Closlieu foi montado para o resgate da capacidade humana da espontaneidade, da iniciativa sem referência à modelos, e do aprofundamento pessoal, sem esquecer do grupo e da capacidade de convívio harmônico.

 

gallery/uso da cruz

Arno Stern o criador

gallery/arno-stern1-300x500